Você esta aqui: Procê » Chat on-lineChat On-line

  


Procê

Não deixe de conferir nosso dicionário de palavras típicas, matérias publicadas sobre o Rancho Nordestino e nossas receitas deliciosas.

Palavras típicas
Matérias públicadas
Receitas Rancho

Dicionário Nordestino

Você chegou no Nordeste, está adorando, mas não entende algumas expressões da terrinha? Fácil! Veja o sumário do Dicionário Nordestino abaixo, uma contribuição do amigo Willian Santana:

abestalhado - bobo, besta, pateta
abilolado - "abestalhado"
acochado - apertado (ex: Se aperreie não, doutor. Vou deixar os parafusos da roda do carro bem acochadinhos)
a como é - quanto custa (ex: A como é o quilo do tomate, seu Biu? Prá senhora é de graça, freguesa)
afolosado - frouxo, quebrado (ex: Não sente na cadeira, doutor, que ela está afolosada)
alcatifa - carpete
alpercata - sandália de couro
altear - aumentar o volume da TV ou do aparelho de som
aperreado - preocupado, com problemas, agoniado
a pulso - à força, na marra (também se usa "na lei do apulso")
arengar - discutir, brigar
arrasta-pé - forró
arretado(1) - muito bom, excelente, maravilhoso (ex: Êta dicionário arretado)
arretado(2) - irritado, com raiva de algo ou alguém
arribar - sair, ir embora
arrodear - dar a volta (ex: Mãe, o portão de casa está trancado. Arrodeia e entra pelos fundos, menino)
aruá - caramujo de jardim, pessoa muito lerda
avalie só - interjeição equivalente a: imagine só, veja só
avexado - apressado
azuretado - confuso, no mundo da lua
badoque - estilingue, atiradeira
biliro - grampo de cabelo
biscoito/bolacha - atenção, paulistas, vamos esclarecer de vez este quiprocó: biscoitos são "doces", enquanto bolachas são apenas as "salgadas", ok?
bombeiro - frentista de posto de gasolina
borrão - bloco de rascunho
sbulir - mexer em algo
buliçoso - aquele que gosta de mexer em tudo
cafuçú - trabalhador braçal
cambitos - pernas finas
cangalha - pessoa com as pernas arqueadas
cão chupando manga - o bom, o cara que sabe tudo, o tal, o "tampa de Crush", o "supra sumo"
carecer - precisar de (ex: Mais bolo, seu Zezinho? Carece não, D.Mariazinha)
catabiu - buraco na estrada
chamegar - namorar, se esfregar no namorado (ex: Tás triste assim por que, mulher? Falta de chamego)
chapoletada - pancada forte (procure não levar uma! ;-) )
cheguei - de corres berrantes, de gosto duvidoso
comer brocha - passar por apuros, por dificuldades (ex: Comi brocha para mudar o pneu do carro)
corôca - lagartixa (no interior de Pernambuco)
cortar jaca - estimular, ajudar o namoro de amigos ou parentes
créu - utilizado quando algo é muito difícil (ex.: Eita negócio difícil do créu)
cu-de-boi - problema infernal, cunfusão
dar o tango no mango - dar problema, quebrar, dar a louca
de hoje a oito - de hoje a oito dias, inclusive (ex: Você viaja hoje, Biu? Não, Zé, de hoje a oito)
de jeito maneira - de modo algum
de rosca - algo difícil de ser realizado, duro de sair (ex: E este gol que não sai? Parece que está de rosca)
dor de veado - dor abdominal que dá em quem bebe muito líquido e vai fazer exercício logo depois
eita - exclamação
esmolé - mendigo, pedinte
esse menino, essa menina - vocativos (ex: Que horas são, essa menina? Hora de deixar de ser enxerido, esse menino)
estar com a bexiga lixa - estar com o diabo no couro, estar com tudo
estar com a bobônica - igual a estar com a bexiga lixa, só que no interior de Pernambuco
estar com a febre - variação de "estar com a bobônica" (ambos na verdade são corruptelas de "estar com a febre bubônica", também usado no interior do estado. Evite usar esta expressão no Recife: vão pensar que você é "matuto")
estar com a macaca - mais uma variação de "estar com a bobônica, com a bexiga lixa"
estar com a moléstia - estar mais do que com a bexiga lixa, estar muito "arretado"
fazer o balão - dar a volta com o carro em um circular
fecheclér - zíper, fecho de calça (vem do francês "fecho ecláir")
fera - sujeito recém-aprovado no vestibular
filar - olhar a prova dos outros
frisos - enfeites cromados em um carro
fuleiro - de má qualidade (objetos), sem-vergonha (pessoas)
gabiru - rato grande
galego - pessoa loura ou alourada
gelo baiano - blocos de concreto pintados de branco usados para separar as vias de trânsito
girador - do trânsito de veículos: circular, rotatória
guaiamum - tipo de caranguejo de casco azulado e carne adoçicada, muito apreciado
guaraná - denominação genérica de qualquer refrigerante (ex: Que guaraná você quer, minha filha? Coca Cola, Mainha)
gréia - azoação (ex: A festa foi a maior gréia)
inhaca - catinga, mau cheiro
jante - roda do carro
jerimum - abóbora
lanterneiro - funcionário da oficina mecânica que corrige imperfeições na lataria do carro
leseira - abestalhamento, idiotice
liso - sem dinheiro
loló - mistura de éter e clorofórmio utilizada como entorpecente no carnaval (é proibido e prejudicial à saúde)
macaxeira - variedade comestível de mandioca
maloqueiro - menino de rua, pivete
mamulengos - bonecos de espetáculos para divertir as crianças (o teatro de mamulengos é o pequeno palco onde os mamulengos se apresentam)
maneiro - coisa leve, que não tem muito peso (ex: Esse pacote está bem maneirinho)
marretar - furtar coisas de pouco valor
marreteiro - ladrão vagabundo
massa! - interjeição: muito bom, legal, excelente
matuto - caipira, pessoa do interior
meio-fio - paralelepípedos que separam a calçada da rua
metido a cavalo do cão - metido a besta, sujeito que pensa que é muita coisa sem ser
moringa - vaso de barro onde se armazena água
muriçoca - pernilongonó
cego - problema de difícil solução, sujeito enrolado, complicado
nopró - problema de difícil solução (ex: Já recebeu o dinheiro? Que nada, deu o maior nopró lá no banco)
nos cafundós do Judas - muito longe (variantes: "nos quintos dos infernos", "onde o vento faz a curva")
oitão - parte do quintal que dá para os lados da casa
oxe, oxente - interjeições de espanto (corruptelas de "oh, gente!")
paia - mulher feia, festa desanimada, objeto ruim, de má qualidade
peba - vagabundo, de má qualidade
pirangueiro - sovina, mão-fechadapeguento - suado, suarentopeitica - sujeito insistente, renitente
perronha - sujeito que joga mal futebol
pichaim - cabelo carapinhas, bastante enrolado
pichete - o mesmo que cabelo "pichaim"
pirangueiro - sujeito pão-duro, avarento
que nem - igual a, tal qual (ex: Se avexe, menino, você hoje está que nem aruá)
relar - arranhar (ex: Foi passear de tobogã, relou a bunda)
rala-buxo - festa onde se pode dançar, forró
rodagem - estrada (mais usado no interior do estado)
romper o ano - atravessar a festa de ano novo (ex: Onde você vai romper o ano? Em Boa Viagem , é claro)
sarará(1) - formiga pequena, da bunda vermelha
sarará(2) - pessoa de feições negras e cabelo amarelo ou vermelho
sargaço - algas marinhas
se abrir - gargalhar, rir em demasia
segurar a vela - acompanhar um casal de namorados ao restaurante, ao cinema, etc.
sem um tostão furado - sem dinheiro, "liso"
supra sumo - o bom, o maioral, aquele que está acima do "tampa de Crush" e do "cão chupando manga"
tabacudo - bobo, "abestalhado", abobado, "abilolado"
tamborete de zona - sujeito baixinho
tampa - sujeito bom em algo
tampa de Crush - é o cara que é "muito tampa" (o tipo do sujeito que toma uma Crush quente sem fazer careta)
tirar o cabaço - desvirginartorar - partir, quebrar
torar um aço - sentir medo intenso, passar por situação de aperto
tabelier - painel do carro
traquino - menino traquinas, agitado
treloso - "traquino"
trubufu - pessoa feia
um pé lá, outro cá - ir e voltar rapidamente
virado no molho de coentro - estar com tudo e não dever nada a ninguém, ser capaz das maiores realizaçõ
esvôte, homem! - interjeição de espanto (corruptela de "vou-te, homem!" mais usada no interior do estado)
zambeta - de pernas tortas
zarolho - vesgo, que tem os olhos trocados
zoada - barulho, confusão (ex: Que zoada é essa? É o trio elétrico passando)
zona(1) - local do baixo meretrício
zona(2) - bagunça, confusão (ex: Joãozinho, vá arrumar o seu quarto, que está a maior zona)

Rua Manuel Dutra, 498 - Bela Vista, São Paulo, 01328-010. Fone: (11) 3106-7257
©2015 Rancho Nordestino - Todos os direitos reservados - Mapa do site

Redes Sociais Formulário de contatoYouTubeG+Twitter Facebook